A imagem do candidato: descolamento entre imagem e personalidade

Francisco Ferraz
Publicado em: 18/10/2017

Imagem, "foco"e propostas definem o posicionamento de uma candidatura. Coerentemente articuladas entre si, conferem à candidatura uma identidade própria que a singulariza dentre todas as outras. Elas posicionam a candidatura, isto é, situam a candidatura num espaço próprio e exclusivo, a partir do qual o candidato lança-se à disputa pelos votos.

Candidaturas não posicionadas, mal posicionadas ou com um posicionamento cambiante, não têm chances de vitória face às outras que lograram definir corretamente seu posicionamento. A imagem do candidato, portanto, é um dos elementos chave no posicionamento da sua candidatura. Ela deve, desde logo, guardar coerência com o "foco" da campanha e com suas propostas. Esta é a primeira exigência que a imagem deve atender.

O eleitor terá muita dificuldade para aceitar uma candidatura que eleja como seu "foco", por exemplo, o combate à criminalidade e à violência, que nesta área tenha suas principais propostas, com um candidato que tenha a reputação de fraco, cuja principal habilidade política é a negociação, e que se apresenta na campanha alegre, sorridente, descontraído. Simplesmente a imagem "não bate" com o posicionamento da candidatura, está em conflito com ele.

O mesmo vale para qualquer outro "foco" que venha a ser escolhido, como austeridade econômica, com a reputação de gastador, esbanjador, pessoa que "não sabe dizer não"; compromisso com a mudança, com a reputação de conservador, de proximidade com pessoas interessadas em não mudar; reformador, modernizador com a reputação de um executivo lento, moroso, hesitante, muito cauteloso; prioridade para o social, com a reputação de tecnocrata, executivo frio, distante e racional; para citar apenas alguns casos.

Este texto pertence a uma coluna com acesso restrito, para continuar lendo cadastre-se e escolha entre um dos planos de assinatura.

Assine Aqui

Já sou assinante

Informe seus dados abaixo para continuar.



Esqueci minha senha

 

COMPARTILHAR

Área do usuário:

E-mail

Senha

> Esqueci minha senha

> Quero me cadastrar

Curta nossa página no Facebook Siga-nos

Opinião do leitor

Eu, como professor de história e também como atual vice-presidente do PSDB, e nas duas gestões anteriores como presidente do PSDB do município de Ribeirão Pires, só posso elogiar, pois as informações que encontro no site elaborado por vocês, são por mim usadas, tanto politicamente, como nos cursos de história. Parabéns. Realmente é um site que se mantém neutro em suas opiniões e com assuntos sempre pertinentes.

Erino Siviero Junior
Ribeirão Pires - SP

Leia mais >>