A imagem do candidato: descolamento entre imagem e personalidade

Francisco Ferraz
Publicado em: 18/10/2017

Imagem, "foco"e propostas definem o posicionamento de uma candidatura. Coerentemente articuladas entre si, conferem à candidatura uma identidade própria que a singulariza dentre todas as outras. Elas posicionam a candidatura, isto é, situam a candidatura num espaço próprio e exclusivo, a partir do qual o candidato lança-se à disputa pelos votos.

Candidaturas não posicionadas, mal posicionadas ou com um posicionamento cambiante, não têm chances de vitória face às outras que lograram definir corretamente seu posicionamento. A imagem do candidato, portanto, é um dos elementos chave no posicionamento da sua candidatura. Ela deve, desde logo, guardar coerência com o "foco" da campanha e com suas propostas. Esta é a primeira exigência que a imagem deve atender.

O eleitor terá muita dificuldade para aceitar uma candidatura que eleja como seu "foco", por exemplo, o combate à criminalidade e à violência, que nesta área tenha suas principais propostas, com um candidato que tenha a reputação de fraco, cuja principal habilidade política é a negociação, e que se apresenta na campanha alegre, sorridente, descontraído. Simplesmente a imagem "não bate" com o posicionamento da candidatura, está em conflito com ele.

O mesmo vale para qualquer outro "foco" que venha a ser escolhido, como austeridade econômica, com a reputação de gastador, esbanjador, pessoa que "não sabe dizer não"; compromisso com a mudança, com a reputação de conservador, de proximidade com pessoas interessadas em não mudar; reformador, modernizador com a reputação de um executivo lento, moroso, hesitante, muito cauteloso; prioridade para o social, com a reputação de tecnocrata, executivo frio, distante e racional; para citar apenas alguns casos.

Este texto pertence a uma coluna com acesso restrito, para continuar lendo cadastre-se e escolha entre um dos planos de assinatura.

Assine Aqui

Já sou assinante

Informe seus dados abaixo para continuar.



Esqueci minha senha

 

COMPARTILHAR

Área do usuário:

E-mail

Senha

> Esqueci minha senha

> Quero me cadastrar

Curta nossa página no Facebook Siga-nos

Opinião do leitor

Dr. Ferraz, escrevo para elogiar, mesmo que tardiamente, o impressionante acervo produzido pela sua competência e pertinácia nos últimos anos. Sou testemunho disso por receber sem interrupção o boletim do "Política para Políticos" há muito tempo, acho que há mais de dez anos.



Flavio Magajewski
Florianópolis - SC

Leia mais >>