Quando atacar?

Francisco Ferraz
Publicado em: 21/09/2016

Antes de responder à pergunta: quando atacar? O candidato deve responder uma outra pergunta: Devo atacar?

A regra básica é simples. Se você não precisa recorrer à campanha negativa para disputar a eleição com boas chances de vencê-la não ataque seu(s) adversário(s).

A campanha negativa sempre envolve riscos para quem a usa. Se, entretanto, seu adversário der motivos justificados para ser atacado, e você sentir que é necessário abalar sua candidatura para poder vencer, então, adotando as cautelas necessárias, ataque, mas ataque de maneira contundente. Se tiver que fazê-lo, faça-o bem.

Este texto pertence a uma coluna com acesso restrito, para continuar lendo cadastre-se e escolha entre um dos planos de assinatura.

Assine Aqui

Já sou assinante

Informe seus dados abaixo para continuar.



Esqueci minha senha

 

COMPARTILHAR

Área do usuário:

E-mail

Senha

> Esqueci minha senha

> Quero me cadastrar

Curta nossa página no Facebook Siga-nos

Opinião do leitor

O site é muito bom. O Política Para Políticos já virou fonte de pesquisa, é um curso de formação política.

Reginaldo Pereira da Silva
Cabo de Santo Agostinho - PE

Leia mais >>